segunda-feira, 21 de dezembro de 2009

Chirac, a Copa da França, e nosso portaviões

.


Uma série de escândalos de corrupção envolvendo membros do Governo socialista estiveram na base da viragem política registada em França, culminando com a eleição de Jacques Chirac para presidente da República nas eleições presidenciais de 1995.
Wikipédia

.
O presidente Fernando Henrique Cardoso classificou a eleição do presidente francês Jacques Chirac como uma vitória da democracia. Em carta enviada a Chirac, reeleito ontem, Fernando Henrique disse que o povo francês 'deu mostra inequívoca de sua determinação em preservar os valores que lhe são inatos: da tolerância e do pluralismo'.

Agência Brasil
, 06/05/2002
O francês é acusado de forjar empregos em benefício de seu partido enquanto prefeito de Paris, entre 1977 e 1995.
-
É o segundo enquadramento. Pelo primeiro. enfrentará julgamento já no próximo mes. Aliás, o tribunal iniciou ação legal, no mesmo caso, contra o ex-secretário geral do sindicato Força Operária, MARC BLONDE. sustentado pelo caixa gerido pelo então prefeito. O sindicalista tinha a incumbência de “paralisar a França”, para que CHIRAC surgisse como salvação nacional.
Em 2007 CHIRAC foi chamado ao Tribunal em função da irregular fusão de seu partido RPR com o UMP, de NICOLAS SARKOSZY, este que transa aviões a preço de espaçonaves com o Brasil, helicópteros de transporte do tipo EC-725, e submarinos nucleares.
Lula e Sarkozy tornaram-se amigos de infância. A França que não se dá tão bem como gostaria com nenhum país emergente, encontrou o Brasil dando sopa.
RIBEIRO, A., Recordar é viver
Eis para onde vai o lucro das parcas espigas colhidas pelo lavrador brasileiro.
A oficialidade agradece:
"Le Monde escolheu o presidente Lula da Silva como 'o homem do ano de 2009', na primeira vez em que o prestigiado diário de Paris decidiu fazer esse tipo de indicação."
Os negócios continuam promissores:
"A França só será campeã se enfrentar o Brasil" (PLATINI, Michel, Lancepress, 25/12/2009)
* * *
Além daquele ex-presidente, dois de seus diretores de gabinete, MICHEL ROUSSIN e RÉMY CHARDON também terão de prestar contas à Justiça. Um dos beneficiários dos mensalões franceses foi JEAN DE GAULLE, curiosamente, filho do general CHARLES DE GAULLE. Por certo CHIRAC e todos escaparão de qualquer sentença, ainda que as provas sejam contundentes.
Vivo em França há 47 anos, tenho familiares e muitos amigos franceses e posso garantir que este pais não passa de uma ficção! A Justiça aqui como no Brasil não funciona, a imprensa esta controlada por dois grandes grupos de empresários, há gente a passar fome e a dormir na rua, não há cidade em França onde não haja violência, trafico de droga, miséria."
LOPES, Ana, Veja: novembro 1, 2009
Estes processos, todavia, tem motivos quase insignificantes, perto do estupendo dano que sua ascendência causou, não só à Vaca Leiteira, como chamava HITLER, mas ao globo inteiro. CHIRAC promoveu grandes falcatruas internacionais, e foi o responsável pelo descalabro de largar sete (7) bombas atômicas no santuário oceânico polinésio, que ele dizia francês. Imagina se não fosse! O resultado dessa demonstração foi catastrófico, evidentemente. O ministro da Defesa HERVÉ MORIN colhe o ensejo e anuncia que o país vai pagar pelo menos 10 milhões de euros para as vítimas dos "testes" nucleares. Provavelmente essas vítimas moram em Paris, nas vizinhanças do Eliseu. Quanto ao restante, a fauna, a flora, os turistas, não vem ao caso. Toda a riqueza da França não reestabeleceria a harmonia. Os crimes foram contra a humanidade. O Ministério Público investigou 481 casos protagonizados por CHIRAC, durante década.

Um episódio, todavia, permanece obscuro, e portanto, incólume. Foi em seu período que a França se sagrou Campeã do Mundo, depois de golear o Brasil em uma partida memorável. Jamais a Canarinho entrou tão mole em campo. Nosso goleador acusou surpreendente distúrbio antes da partida. No fim do jogo ninguém soube explicar o Mandrake de todo elenco. Quando alguém retorna o assunto, ouve-se dissimulações.
.
.
O misterioso desmaio de Ronaldo antes da partida e seu fraco desempenho em
campo são motivos para especulação até hoje. 'Queira ou não queira, aquele
jogo ainda está na cabeça dos jogadores', diz o coordenador técnico da seleção
brasileira, Mário Zagallo, que era o técnico da equipe derrotada pela França.

www.dw-world.de, 30.06.2006 - Brasil x França: jogo de compadres?

Dois anos após chegou a magestosa pista aquática, tão comprida quanto dois gramados do Maracanã, e mais embandeirada do que Festa de São João :
,
O Navio-Aeródromo A-12 SÃO PAULO foi adquirido da França em 2000,
por cerca de US$ 12 milhões, tendo sido incorporado em 15 de novembro
daquele ano, no Porto de Brest, na França.
Como funcionam porta-aviões
;
Governava o Brasil o sociólogo vindo da Sorbonne, ali daquele Quartier Latin. FHC se notabilizou por introduzir o mensalão, subornar meio Congresso para alterar a Constituição em seu próprio benefício.
S.Exa dizia que o País não possuia dinheiro para comprar carro importado. A justificativa restringiu a entrada das montadoras que não mantinham galpões no Brasil, ao gáudio dos patrocinadores de campanha - Ford e GM*.
.
No meio da manifesta pobreza, não só material, como evidentemente intelectual, surgiu o portentoso, ao espanto de todos. Veio de lambuja. Para melhor divisar a barganha declarada: o formidável vaso custou apenas 30% do preço de um (1) caça que agora nos empurram. Dava até para as Escolas-de-Samba efetuarem uma vaquinha, de um milhão cada uma, preço de apartamento, não de cobertura, e instituírem uma Sapucaí ambulante. A pueril explicação:
O interesse da França e do Brasil em ampliar a cooperação militar influiu no preço do São Paulo. Um porta-aviões novo semelhante pode custar US$ 500 milhões.
http://br.answers.yahoo.com/question/index?qid=20080324022835AAwVph3
A relação parece óbvia: o novo Colosso dos Mares de Iracema veio em troca da Copa do Mundo*.
Com certeza.
_____________
PS: Esse tipo de negócio continua gerando bons dividendos:

A avó do menino Sean Goldman, 9 anos, Silvana Bianchi, afirmou nesta quarta-feira que o Brasil trocou seu neto por um acordo econômico com os Estados Unidos. Após a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) que determinou a entrega de Sean a seu pai, o americano David Goldman, o Senado americano aprovou por unanimidade a extensão do programa de isenção tarifária que beneficia exportações brasileiras.
Terra, 23/12/2009
* Na mosca: O comandante-geral da Polícia Militar de São Paulo, coronel Alvaro Batista Camilo, comprou, por R$ 2,8 milhões, um Captiva para ele .O Estado flagrou o coronel em seu carro quando chegava a um encontro na zona norte de São Paulo. A seis quilômetros dali, Alckmin subia em um Vectra preto após uma solenidade na zona leste. O governador abriu mão dos Ômegas blindados contratados por seu antecessor, José Serra (PSDB).
O contrato de compra dos carros foi feito pela Diretoria de Logística da PM e publicado no Diário Oficial em 16 de outubro de 2010. incluindo 161 veículos da GM, sem especificar quantos eram viaturas oficiais e quantos eram carros sem identificação, para os coronéis. O valor total da compra foi de R$ 5,8 milhões. Foram adquiridos duas Montanas, 61 Vectras Expression, 92 Corsas Hatch, cinco Corsas Sedan e o Captiva. Cada Vectra saiu por R$ 44,9 mil - os 61 custaram R$ 2,73 milhões. Já os R$ 92 mil do Captiva equivalem ao preço de três Corsas - R$ 30 mil cada. 

Um comentário:

  1. Um Bom Natal para voçê e sua família César; " grande guerreiro " .

    ResponderExcluir